Aquarelas são temas de exposição na Biblioteca Central

“Apresentamos aqui nossa produção usando muita água, tinta, papel apropriado e muita vontade de mostrar a beleza da técnica da aquarela”. Essa é a definição dada pela curadora e professora de aquarela Nona Rostagno à mostra coletiva Aquarelas do Grupo Arte, que está em exposição no segundo andar da Biblioteca Central (campus de Goiabeiras). A entrada é gratuita.

Nove artistas do ateliê da curadora compõem o grupo de expositoras: Adriana Dadalto, Cacilda Zouain, Ana Mendes Penteado, Ingrid Cavalcanti, Luciene Campagnaro, Magdalena Frechiani, Regina Bullos, Roselene Frossard e Sueli Grasseli, além da própria Nona. Essas artistas são, em sua maioria, graduadas pela Ufes e ingressaram no ateliê em busca de aprimoramento da técnica da aquarela. “Estamos sempre procurando novos caminhos que não encontramos num curso de artes na universidade”, lembra a professora.

A aquarela é uma técnica de pintura na qual os pigmentos estão suspensos ou dissolvidos na água. Segundo Nona, russa radicada no Brasil e graduada em Educação Artística pela Ufes em 1976, a aquarela é uma técnica que, embora antiga, passou a ser muito procurada nos últimos tempos devido à sua fluidez e versatilidade. “Com tinta apropriada, papel especial, pincéis redondos ou chatos, realizamos nosso desafio: dominar a água, que é instável, caprichosa e difícil de domar”, explica a curadora.

Versatilidade

Com a exposição, Nona busca mostrar as possibilidades da aquarela, que vão desde a criação de formas, manchas, luz e sombras até a fusão de cores, degradeés e reflexo de raios solares. A artista conta que as obras da exposição priorizam a natureza, retratando paisagens, flores, céu e mar.

Nona, que também é crítica de arte e membro da Associação Brasileira de Aquarelistas (ABA), lembra que, em muitas ocasiões, há a necessidade de repetir o trabalho, com o objetivo de dar mais visibilidade. “A beleza das cores encanta o olhar do espectador, mas quem vê não imagina a dificuldade e a versatilidade da técnica. São muitos dias, horas, sábados e domingos, numa dedicação constante”, finaliza ela.

A mostra Aquarelas do Grupo Arte estará aberta ao público até o dia 14 de junho, de segunda a sexta, das 7 às 21 horas, e aos sábados, das 7 às 13 horas.

Texto: Adriana Damasceno
Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
Evento
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.