Arquivo Público abre nesta quarta, 30, exposição fotográfica organizada por professor da Ufes

Com um acervo fotográfico composto por aproximadamente 9.500 imagens, será inaugurada nesta quarta-feira, 30, às 20 horas, na sede do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo, no Centro de Vitória, a exposição fotográfica Agora é Max! Política, fotografia e memória de um ex-governador do Espírito Santo.

O acervo fotográfico faz parte do arquivo pessoal do ex-governador Max Freitas Mauro e é dividido em duas partes: a primeira é sobre o político e suas realizações; já a segunda é sobre seu pai, Saturnino Rangel Mauro. A mostra retrata a história política, econômica e social do Espírito Santo, no período compreendido entre 1910 e 2008, como também documenta fatos relacionados a eventos, solenidades, inaugurações, exposições e acontecimentos relacionados a diversas cidades do Espírito Santo. A exposição faz parte do projeto Memórias Fotográficas, coordenado pelo professor do Departamento de Arquivologia da Ufes André Malverdes.

Antes da abertura da exposição, às 18 horas haverá palestra e confraternização, além da distribuição gratuita do livro resultante do projeto. Já às 19 horas, haverá o lançamento oficial da publicação Patrimônio fotográfico: catálogo do acervo pessoal do ex-governador Max Freitas Mauro.

Projeto

A exposição fica aberta para visitação até o dia 31 de janeiro do próximo ano e faz parte do projeto Memórias fotográficas: tratamento e digitalização do acervo fotográfico do ex-governador Max Mauro, realizado com recursos do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura).

“O projeto Memórias Fotográficas promove a adequação da descrição arquivística pela norma brasileira de descrição e a sua digitalização atende as recomendações para digitalização de documentos arquivísticos permanentes do Conselho Nacional de Arquivos. Após o tratamento dos documentos, eles são disponibilizados no site do Arquivo Público do Estado do Espírito Santo, que recebeu uma matriz digital para consulta dos pesquisadores no local. O projeto realiza ainda, entre seus produtos, oficinas de capacitação técnica, exposição fotográfica, palestra e lançamento do catálogo do acervo”, explica Malverdes.

Max Mauro nasceu em Vila Velha (ES) no dia 11 de março de 1937. Filho de Saturnino Rangel Mauro e Maria da Penha Freitas Mauro, formou-se em Medicina pela Universidade Federal da Bahia em 1962, em Salvador. Sua atuação política teve início em 1970, quando se elegeu prefeito de Vila Velha na legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição ao regime militar instaurado no Brasil em abril de 1964. Em 1974, assumiu como deputado estadual e, em 1979, foi eleito deputado federal. No ano de 1986, elegeu-se governador do Espírito Santo.

Seu pai, Saturnino Mauro, foi sindicalista e fundador do Partido Trabalhista Brasileiro no Espírito Santo, sendo eleito, em 1947, vereador da Câmara de Vila Velha e deputado estadual.

Texto: Jorge Medina
Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
Evento
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.