GAEU promove Encontro Marcado com a professora Maria Angélica Melendi

Integrando a programação da exposição Fissuras, a Galeria de Arte Espaço Universitário realiza nesta quinta-feira, 13, mais uma edição do Encontro Marcado. Desta vez a convidada é a professora Maria Angélica Melendi, professora da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Com experiência em arte, memória, corpo e fotografia, Maria Angélica pesquisa estratégias de memória desenvolvidas pela arte contemporânea na América Latina, em relação aos terrorismos de estado e violência social. Atuando com um tema que dialoga com a mostra Fissuras, a professora traz para a Galeria a palestra intitulada “Arte-guerrilha e guerrilha: identidades imaginadas”, na qual discute a repercussão das jornadas de 2013 nas artes plásticas.

O encontro é gratuito e será realizado às 17h30 no espaço expositivo da Galeria de Arte Espaço Universitário, localizada no campus de Goiabeiras.

Fissuras

Com temática voltada para o regime militar brasileiro, a mostra, desenvolvida pelo artista e professor da Ufes Rafael Pagatini, propõe o debate sobre o processo de modernização do Espírito Santo, que ocorreu durante a ditadura (1964 e 1985). Relacionando a arte com a política e a história capixaba e nacional, o trabalho retrata o discurso do progresso e os vínculos de poder a fim de refletir sobre a memória durante o período ditatorial. “Fissuras” fica aberta para visitação até o dia 1º de setembro, de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas.

Texto: Isabella Altoé (estagiária de Comunicação)
Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
60 anos da Ufes
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Reestruturação e Expansão das Universidades Federais
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.