Paneleiras de Goiabeiras ministram oficina de artesanato na Ufes neste sábado, 9

O projeto de extensão Capixabíssima: a panela de barro na terra da moqueca  promove, neste sábado, 9, uma oficina de artesanato com as Paneleiras de Goiabeiras. A atividade será realizada das 8 às 10 horas, na sede do Sindicato dos Trabalhadores da Ufes (Sintufes – campus de Goiabeiras), e é vinculada ao Departamento de Engenharia Ambiental.

A oficina oferece 40 vagas a serem preenchidas por todos os interessados das comunidades interna e externa da Ufes. Será cobrada taxa de R$ 10 por pessoa para custear o material utilizado e remunerar as oficineiras. As inscrições podem ser feitas por meio do formulário disponível no link http://twixar.me/Y4KT.

Coordenado pelo professor Maurice Costa (na foto, o primeiro à direita), o projeto de extensão tem, dentre os objetivos, ampliar o acesso da comunidade às informações sobre os aspectos culturais, sociais e ambientais que envolvem o processo de produção artesanal da tradicional panela de barro capixaba. “As panelas de barro do Espírito Santo são as mais famosas e conhecidas do Brasil, consideradas ícones da cultura popular. A moqueca capixaba, a moqueca de garoupa salgada com banana da terra e a torta capixaba, três dos mais tradicionais pratos da culinária capixaba, têm de ser feitos em panela de barro, na qual expressam um sabor inigualável”, explica Costa.

Transformação

O projeto surgiu a partir de uma visita do professor à Associação das Paneleiras de Goiabeiras. “Pude observar a riqueza que é o processo de transformação do barro em vários utensílios que atendem a diversas finalidades”, lembra. Durante a visita, Costa diz que observou também “detalhes do processo que carecem de discussões que tragam um maior entendimento sob o ponto de vista ambiental e ergonômico”, como manipulação de argila, queima das panelas e retirada da casca do mangue-vermelho para produção da tinta que dá a cor preta aos objetos.

Além do coordenador e das paneleiras, seis estudantes do curso de graduação em Engenharia Ambiental estão envolvidos no projeto, que é parte das disciplinas Práticas Extensionistas I e II. “Acreditamos que esse projeto possa representar mais uma oportunidade de conhecermos um pouco mais sobre essa atividade e que possamos, enquanto academia, contribuir para a perpetuação do processo que vem sendo praticado por séculos”, conclui.

Outra oficina está sendo programada para este semestre, em data a ser confirmada. Mais informações sobre o projeto Capixabíssima: a panela de barro na terra da moqueca e sobre as oficinas podem ser obtidas pelo e-mail maurice.costa [at] gmail.com ou pelos telefones (27) 99509-4220 ou (27) 4009-2648.

Texto: Adriana Damasceno
Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
Evento
Acesso à informação
Transparência Pública
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.