Ufes comunica com pesar o falecimento do ex-reitor Manoel Ceciliano Salles de Almeida

A Administração Central da Ufes comunica com pesar o falecimento do professor aposentado e ex-reitor Manoel Ceciliano Salles de Almeida, ocorrido na noite deste domingo, 13, por complicações decorrentes de pneumonia. O velório está sendo realizado na tarde desta segunda-feira, 14, no Cemitério Parque da Paz, em Vila Velha.

O professor Manoel Ceciliano, de 89 anos, conhecido carinhosamente pelos amigos como Manoelito, exerceu diversas funções acadêmicas e administrativas, foi o sexto reitor da Universidade (de 1975 a 1979) e atuou como docente no Centro de Educação – então Centro Pedagógico –, onde foi diretor na década de 1970.

Na reitoria, sua gestão foi marcada pela criação do primeiro curso de pós-graduação da Ufes: o mestrado em Educação. Manoel Ceciliano também realizou importantes obras de infraestrutura física no campus de Goiabeiras – em sua administração, foram iniciadas as obras do Restaurante Universitário, da Biblioteca Central e da Gráfica Universitária – e no Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), no campus de Maruípe. O ex-reitor foi professor da Ufes de 1961 a 1985, ano em que se aposentou, continuando a exercer diversas atividades no Espírito Santo relacionadas à educação superior.

Durante a sua gestão, em plena ditadura militar (1964-1985), os três segmentos acadêmicos reconstruíram suas entidades representativas em 1978, como o Diretório Central dos Estudantes (DCE), a Associação dos Docentes da Ufes (Adufes) e a Associação dos Servidores (Asufes, atual Sindicato dos Trabalhadores da Ufes – Sintufes), que estavam impedidas de funcionar pelo regime militar.

Pioneirismo

O reitor da Ufes, Paulo Vargas, manifestou condolências à família do professor Manoelito, destacando sua dedicação como docente e sua importância como reitor, pelo papel que teve no processo de constituição da Ufes, com um mandato marcado por diversas realizações e obras estruturantes, como a construção da Biblioteca e viabilização do Hospital Universitário. Também ressaltou seu pioneirismo ao estimular o início da pós-graduação da Ufes, com a criação do Programa de Pós-Graduação em Educação.

Paulo Vargas também assinalou que o professor Manoelito conduziu a Universidade num momento importante de reabertura política, possibilitando a reorganização do DCE, da Adufes e do Sintufes.

Manoel Ceciliano cursou mestrado e doutorado nas áreas de Economia e Educação nos Estados Unidos, e também foi reitor da Universidade de Vila Velha (UVV) por 20 anos. A Administração Central da Ufes lamenta o falecimento do ex-reitor e presta a sua solidariedade aos familiares e amigos do professor.

Texto: Luiz Vital
Imagem: Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) 

Edição: Thereza Marinho

 

Categoria: 
Destaque
Acesso à informação
Transparência Pública
Planejamento e Gerenciamento de Contratações (PGC)
Dados abertos
Prestação de contas

Av. Fernando Ferrari, 514, Goiabeiras | Vitória - ES - CEP 29075-910 | © Universidade Federal do Espírito Santo 2013. Todos os direitos reservados.